Sexta, 14 de dezembro de 2018
74 9 9903-3738 # Jesus é o Senhor
Justiça

20/11/2018 às 01h27

1.085

Redacão

Salvador / BA

Motorista fugir do local do acidente será considerado crime
a punição não deve ser aplicada se forem comprovadas situações excepcionais
Motorista fugir do local do acidente será considerado crime

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por sete votos a quatro, que o artigo 305 do Código de Trânsito Brasileiro é constitucional.
O artigo prevê detenção de seis meses a um ano para o motorista que fugir do local de acidente de trânsito no intuito de não ser processado em caso de atropelamento ou para não arcar com os gastos do conserto do outro veículo envolvido no acidente.
A maioria dos ministros do STF, consideram que a medida não fere o direito do cidadão de não produzir provas contra si mesmo. No entanto, eles destacam que a punição não deve ser aplicada se forem comprovadas situações excepcionais.

Se o condutor estiver ferido ou se estiver em uma situação que coloque em risco sua integridade física – como correndo risco de linchamento – deixar o local do acidente não será considerado crime.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium